Televes Televes
Televes
Language: en | fr | de | it | pl | pt | es
Televes
Televes
Televes
Televes

InfoTeleves 69 (Agosto 2015)

Fecha: 
08/2015

Logotipo InfoTeleves

Anexo Tamanho
INFO_69_Agosto_PT.pdf 3,8 MB

 

  Sumário:

  • Informação geral: A Televés toma dianteira no crescente mercado das redes GPON +
  • Televes no mundo: Convenção Geral EUEW (Lisboa) +
  • Ultima hora: Actualização do Tsuite 2.1.4.86 +
  • Fotos curiosas: Protector de antenas +
  • Novas tecnologías: MyNET WiFi +
  • ¿Sabia que...: a Televés instalou o primeiro sistema de televisão nas Ihas Galápagos? +
  • Preguntas frequentes: É necessário certificar uma máquina de fusão? +
  • Formação: A importância da carga de 75Ω +
  • Dica: TVMotion: Recepção de TDT em movimiento +
  • Instalação real: Circuito Internacional de Vila Real +
  • Novos produtos: CoaxData, o único com tecnologia MyNET WiFi +

 

A Televés toma dianteira no crescente mercado das redes GPON

   

As redes ópticas passivas com capacidade superior a um gigabit (GPON) representam uma importante e crescente oportunidade de negócio a nível mundial. No velho Continente considera-se que serão a chave para alcançar os objectivos de penetração do acesso à internet de banda larga que marca a Agenda Digital Europeia, e o resto do mundo não permanecerá alheio à implantação desta solução tecnológica. A Televés conta com uma grande experiência e tecnologia para integrar serviços de dados na rede coaxial (CoaxData). Com GPON trata-se também de integração, enquanto neste caso os serviços de televisão viajam através de redes de dados sobre fibra óptica. Na edição 2015 de ANGACOM, a prestigiosa feria internacional que a cada primavera reúne na cidade alemã de Colónia os sectores Broadband, Cabo e Satélite, tem sido o privilegiado escaparate na que a Televés apresentou as suas soluções para as redes GPON. O grande interesse que despertou entre o público profissional permite augurar-lhes um futuro brilhante.

Esta experiência positiva de ANGACOM 2015 significa todo um retorno na aposta do grupo pelo mercado da integração de serviços de dados e radiofrequência, com soluções GPON e CoaxData que respondem aos pedidos actuais dos operadores e se antecipam às suas necessidades futuras.

A outra grande protagonista da participação da Televés na feira alemã foi a gama de multicomutadores NevoSwitch, na qual se valorizou o fabrico 100% nas instalações próprias do grupo. Junto a ela, destacam-se os módulos para centrais de cabeça T.0X, as soluções IPTV para o sector Hospitalidade, e os medidores de campo portáteis da H series 

 

Index

   

Televes en el mundo 


Convenção Geral de EUEW
(Lisboa) 4-6 junho

    

A Televés patrocinou na 60ª Convenção Geral de EUEW. Um encontro europeu de distribuidores de material eléctrico organizado em Lisboa durante os dias 4 e 6 de Junho, que teve a participação de empresas e profissionais oriundos de vários países.

Com o título Troca e Inovação: as novas tecnologias e novos concorrentes, resumem a importância que tem um distribuidor, no desafio para a indústria da tecnologia digital e o efeito do comércio electrónico.

A Televés suportou o evento através do seu patrocínio e teve a participação de Manuel Martínez, Director Geral Comercial, e Matthias Dienst, Gerente da filial na Alemanha. Aliás cerca dos 30% dos assistentes presentes eram alemães, o que dá a ideia da potência do seu mercado. Rumaram a Lisboa um perfil muito selectivo de executivos de 17 países europeus, incluindo também representantes do Canadá, Estados Unidos e Emiratos Árabes Unidos. O patrocinar deste encontro junto de outros grandes actores significou um  posicionamento na liderança que poderá gerar importantes oportunidades de negócio.

Na sua intervenção, Matthias Dienst destacou que os grossitas, distribuidores e profissionais ligados à instalação são parceiros fundamentais no modelo de negócio da Televés, que se baseia em valores como o desenvolvimento tecnológico, fabrico de qualidade e vocação internacional. Foi persistente na forma como os recursos de I+D, Logística e Assistência Técnica do Grupo Televés se orientam para a satisfação das necessidades do cliente e a oferta de suporte face as exigências dos mercados  

Index

   

Ultima hora

Actualização do Tsuite 2.1.4.86


Periodicamente são publicadas actualizações do já conhecido software CDC. A introdução de novos dispositivos obriga às referidas actualizações permitindo assim a configuração dos novos módulos de uma forma simples e intuitiva.

As necessidades de parametrização das centrais de cabeça são cada vez mais distintas, como é o caso da edição do PID e do TsID, sendo tarefas realizadas facilmente e num curto período de tempo com o TSuite 

 

Index

FAQs - Preguntas frecuentes

É necessário certificar uma máquina de fusão?
A maior parte dos instrumentos utilizados por um instalador certificam-se.


OPINIÃO DO ESPECIALISTA

A certificação de equipamentos é realizada quando se tratam de dispositivos de medida ou elementos relacionados. Uma máquina de fusão é uma ferramenta de instalação e não um instrumento de medida, pelo que não é necessária a sua certificação. A estimativa realizada das perdas da fusão pela máquina é um mero valor indicativo relativamente à fusão realizada e não de uma medida que caracteriza a instalação              

Index

   

FOTOS CURIOSAS

 

 

 

 

Protector de antenas

 

Desde um chapéu-de-sol que protege do calor até ao capacete que pode evitar lesões graves, a natureza dotou-nos de uma característica especifica de proteger o cérebro face a perigos externos. Trata-se de uma tendência inata de cuidar de quem alberga a nossa inteligência.
O mesmo acontece com esta DAT, que ao tratar-se de um dispositivo inteligente, pretende proteger o seu talento 

  

 

 

Índice

Hablando de ... 

O novo conceito de rede eficiente sem fios, responsável e segura


 

 

Muita das vezes deparamo-nos a questionar sobre a potência com que transmite um router sem fios através do qual acedemos à internet em casa, no hotel, aeroporto, etc. Os fabricantes de equipamentos buscam a máxima cobertura possível nos espaços onde são instalados e para tal aumentam à potência para garantir que o sinal chega ao máximo número de utilizadores, sejam pelos corredores, atravessamento de paredes, portas ou outros obstáculos físicos que possam atenuar significativamente o sinal. Por norma a potência encontra-se entre os 17 e os 20dBm.

Sem dúvida que esses níveis podem resultar desnecessariamente elevados, que em certos casos claramente excessivos. A solução MyNET WiFi desenvolvida pela Televés demonstra que é possível criar uma rede sem fios eficiente, responsável e segura ajustando o nível de potência do terminal sem fios. Com esta solução, o terminal sem fios CoaxData pode ser configurado em baixa potência, emitindo apenas 3dBm, demonstrando que com esse nível de radiação se obtém melhorias significativas em determinadas situações.

MyNET WiFi divide a zona de cobertura por vários pontos de acesso e em menor potência emitida, em vez de utilizar apenas um emissor de maior potência. Ao definirem-se pequenas micro células de acesso é simultaneamente reduzida a carga da gestão da rede e é optimizado o coeficiente de utilizadores por cada ponto de acesso, convertendo-se o conjunto sem fios numa rede mais eficiente.

Por outro lado, cria-se um raio de acesso mais reduzido, conseguindo-se um maior grau de segurança contra intrusões por parte de terceiros. Em simultâneo são geradas menos interferências comparativamente à presença de múltiplos routers com emissões de alta potência.

 

Não convém esquecer como factor relevante, o ser responsável ao reduzir-se ao mínimo a nossa exposição às radiações electromagnéticas para garantir o nosso disfrute de um bom acesso à internet  

Index

   

Formacion 

A importância da carga de 75Ω

Cargar la línea minimiza riesgos en la calidad de la señal distribuída.


Uma rede de cabo coaxial para além de ter de ser devidamente dimensionada ter-se-á que ter um cuidado muito das vezes descorado que é a colocação de cargas de 75Ω nas saídas. Para os que têm este conceito bem sólido terá em conta esta premissa, no entanto, convém sempre alertar os que ignoram esta situação.

Uma rede de cabo coaxial é composta essencialmente por dispositivos passivos, dispositivos activos, cabo coaxial e as respectivas tomadas. A impedância característica da rede é 75Ω, ao qual se for interrompida em qualquer ponto, ter-se-á que colocar a respectiva carga, ou alternativamente uma tomada coaxial.

A energia RF da onda que viaja pelo cabo coaxial é completamente dissipada pela resistência de 75Ω. Esta condição existe apenas quando o cabo coaxial é correctamente carregado. Ou seja, a resistência de carga de 75Ω é igual à impedância característica da rede de cabo coaxial.

Um cabo coaxial quando terminado por uma carga de 75Ω, toda a potência de sinal fornecida pela cabeça de rede é absorvida ou dissipada pela(s) carga(s) no(s) final da rede, sendo percorrida por uma onda progressiva.

No entanto, o cabo coaxial quando terminado, ou carregado com uma impedância de valor diferente dos 75Ω, será reflectida respectivamente a totalidade ou apenas parte da potência. Assim, quando a instalação de cabo coaxial está mal terminada, a potência que não é absorvida pela carga é reflectida de volta no sentido da cabeça de rede. A quantidade desta potência reflectida é directamente proporcional à quantidade de desadaptação da carga. Os cépticos poderão sempre questionar sobre o funcionamento da rede no caso de existir uma má adaptação de impedâncias na rede de cabo coaxial.

Efectivamente, uma rede de cabo coaxial quanto mais desadaptações de impedância existirem (falta de cargas de 75Ω nas extremidades da rede), maior é a probabilidade em reduzir a qualidade do seu sinal transportado. Por um lado o comportamento da atenuação deixa de ser linear ao longo da banda, e por consequência existe um desequilíbrio entre canais e presença de potências díspares ao longo da rede. Outra situação importante é a introdução de ruído na rede provocada pela potência reflectida pelos vários pontos onde exista desadaptação. Não é há toa que de acordo com a norma 60728‐1‐1 no ponto 5.2. “IMPEDANCE”, que as cargas de 75Ω são aplicáveis em todos os cabos coaxiais, saídas “sem ligação” de equipamentos. O gráfico ilustra um caso real do comportamento de uma rede de cabo coaxial relativamente à sua atenuação ao longo da frequência. Aquando da não aplicação de cargas consta-se uma diferença de atenuação superior a 5dB em canais de frequências bastante próximas. Quando aplicadas as respectivas cargas, a diferença não chega aos 1,5dB. Por essa razão numa rede com uma vasta densidade de programas como é o caso de uma rede CATV (devidamente equalizada pelo operador) , é frequente verificar-se a presença destas desadaptações através da qualidade medíocre de alguns programas face a outros que apresentam uma boa qualidade de imagem.

Na escolha do tipo de carga a aplicar numa rede de cabo coaxial para televisão deverá ter-se o cuidado em duas situações. A compatibilidade mecânica como sejam as ligações do tipo “F” ou por exemplo uma carga do tipo “Easy-F”. A outra situação prende-se com a existência ou possibilidade e de passagem de corrente nesse ponto. Pois nessas situações de passagem de corrente como sejam tele-alimentações, ter-se-á que aplicar cargas isoladas. Nestas situações ao aplicar-se cargas não isoladas, provocar-se-ia sobreaquecimentos que poderão levar inclusive à fusão da carga e comprometendo toda a instalação.

Em alternativa no final da rede são aplicadas tomadas coaxiais que fazem de simples adaptadores mecânicos e permitem a interligação entre uma instalação fixa e os equipamentos s terminais (televisores, STB’s, etc.). Internamente estas possuem um circuito electrónico capaz de simular a necessária carga de 75 Ω quando nenhum dispositivo a ela é ligado  
 

Index

     

Sabía que ... ...Televés instalou o primeiro sistema de televisão nas Ilhas Galápagos?

Neste arquipélago único situado a quase mil km das costas de Equador, a Corporación Nacional de Telecomunicaciones (CNT) decidiu instalar o primeiro equipamento para a recepção de televisão via satélite. Foi assim que os equipamentos da Televés chegaram a um dos lugares mais remotos, belos e singulares do Planeta. Pena que o George Solitário, o último exemplar de tartaruga gigante da Ilha Pinta (Chelonoidis abingdonii), não tenha podido viver o para ver. A extinção da sua espécie em 2012 recorda-nos a importância de trabalhar pela conservação da biodiversidade  

Index

  

Ideas

TVMotion: Recepção de TDT em movimento


O sistema TVMotion, idealizado para embarcações, caravanas, autocarros, etc, é a solução ideal para a recepção de TDT em movimento.

Para se dispor de uma recepção em mobilidade segura e de qualidade, são necessários dois factores. Uma boa cobertura e um sistema de recepção robusto, capaz de corrigir os defeitos de recepção provocados por variações bruscas de direcção e pela velocidade adquirida pelo sistema receptor.

A Televés desenvolveu o sistema TVMotion composto pela antena TriNova e pelo receptor TriMotion.

A TriNova contém três dípolos e conta com uma excelente capacidade de recepção de sinais em todas as direcções. Os três cabos coaxiais de que dispõe, são ligados ao receptor TriMotion que é capaz de escolher qual das três antenas está a receber o melhor sinal.

Trata-se portanto de uma solução ideal para todo o tipo de casos onde se deseje receber a televisão em movimento    

Index

Instalacion 

Circuito Internacional de Vila Real (Portugal)


O mítico circuito de Vila Real acolheu no passado dia 10 e 12 de Julho o 45º Circuito Internacional WTCC (FIA World Touring Car Championship). Uma prova que acolheu centenas de milhares de aficionados durante os 3 dias, com transmissão televisiva que chegou a cerca de 50 milhões de espectadores em todo o mundo (Eurosport). A distribuição do sinal de televisão na competição é de extrema importância, pois as equipas necessitam de acesso a informação pormenorizada nas Boxes e Camiões de apoio, de forma a acompanharem em tempo real os tempos realizados pelos pilotos e todos os pormenores da corrida.

Os moduladores T.0X converteram os sinais fornecidos pela organização simultaneamente em PAL (Analógico) e COFDM (Digital). O sinal difundido a partir do Posto de Controlo através de uma rede de distribuição criada de raiz, estendeu-se ao longo de centenas de metros disponibilizando-se à totalidade dos televisores das equipas e ao centro de imprensa instalado no teatro municipal 

 

 

 

 

Index

   



Um acesso à internet mais responsável

A tecnologia MyNET WiFi da Televés permite configurar o
serviço sem fios CoaxData para baixa potência,o que permite reduzir
o grau de exposição às ondas electromagnéticas.

Index

 

Televes
Televes Televes