Televes Televes
Televes
Language: en | fr | de | it | pl | pt | ru | es | en-us
Televes
Televes
Televes
Televes

FAQ 416-2006-pt

Amplificação T05 no ATE Sup

Respuesta: 

O ITED no que diz respeito ao equil√≠brio de sinais de MATV e CATV nas tomadas do cliente √© claro: ¬Ī2 dB de tilt m√°ximo entre os 85 MHz e os 750 MHz. Por outras palavras, numa determinada tomada n√£o se admitem diferen√ßas entre canais superiores a 4 dB. No entanto sabemos que a excelente qualidade de um sinal de televis√£o n√£o depende somente da Pot√™ncia de Sinal (dB¬ĶV) que o mesmo possa ter na entrada do sintonizador de TV. Outro par√Ęmetro bastante importante e que contribui enormemente para uma boa imagem de televis√£o √© a chamada Rela√ß√£o Portadora/Ru√≠do (dB). Esta rela√ß√£o compara em valores absolutos as pot√™ncias da portadora que transporta o sinal de v√≠deo com a pot√™ncia do ru√≠do envolvente √† mesma (C/N). Ao dimensionar-se um sistema de amplifica√ß√£o e tratamento de sinais SMATV dever-se-√° tentar obter a melhor rela√ß√£o Portadora/Ru√≠do poss√≠vel, n√£o existindo neste cap√≠tulo nenhum limite m√°ximo, sendo o limite m√≠nimo de 38 dB (Quadro 1). V√°rios processos existem para tratamentos dos sinais de SMATV recebidos via terrestre ou sat√©lite. Qual o que dever√° ser numa ITED? A Telev√©s prop√Ķe 3
solu√ß√Ķes:


- Processador T05
Dispositivo, Ref 5096, que permite o tratamento selectivo de um canal analógico ou digital compreendido entre os 46 e os 862 MHz (VHF+UHF).


Dever-se-á instalar um módulo, por cada canal a tratar em ITED Colectivas. O seus ajuste e calibração são totalmente ágeis podendo ser efectuados por qualquer técnico ITED com a ajuda de um programador específico ou recorrendo a uma aplicação informática disponibilizada pela Televés. Várias são as características que tornam este produto como a solução de eleição para qualquer ITED:
- C.A.G.: Controlo Autom√°tico de Ganho para o sinal de entrada. Qualquer altera√ß√£o do n√≠vel de sinal de entrada, pontual e aleat√≥ria, que ocorra na entrada deste dispositivo, n√£o √© reflectida para a sa√≠da, garantindo-se assim estabilidade dos n√≠veis de sinal em qualquer tomada da ITED independentemente de altera√ß√Ķes climat√©ricas, de propaga√ß√£o, ou outras. A margem din√Ęmica, do CAG, neste dispositivo √© de 30 dB.


- Selectividade: Par√Ęmetro directamente ligado ao valor da Rela√ß√£o C/N final conseguida na sa√≠da do mesmo. Como durante o processo de tratamento, o canal desejado √© convertido para uma
Frequência Intermédia, e essa passa por um filtro de elevada selectividade, é de todo impossível que durante o processo passe pelo processador algum ruído complementar e não desejável. Assim
consegue-se que o sinal na saída do processador esteja isento de ruído e por conseguinte podem-se atingir valores de C/N superiores a 58 dB.


- Agilidade e Controlo Total: Gra√ßas √† utiliza√ß√£o de um programador especifico (Ref. 7234) ou recorrendo a uma aplica√ß√£o inform√°tica, o processador poder√° ser totalmente configurado em obra (Freq. de entrada, Freq. de Sa√≠da, N√≠vel de Sa√≠da, Rela√ß√£o V√≠deo/√Āudio,?) nunca colocando em causa o valor final da C/N. Torna-se assim um equipamento universal e aplic√°vel em qualquer ponto do pa√≠s sem necessidade de se conhecer antecipadamente quais as frequ√™ncias do emissor terrestre que serve a zona onde se situa a ITED.
- Amplificador Monocanal T03
Dispositivo a colocar um por cada canal a instalar, com diferentes referências dependendo se tratar de canais de UHF ou VHF, com aplicação em ITED Colectivas e Individuais.
- Garante valores de selectividade, na grande maioria dos casos, suficientes para se cumprirem os m√≠nimos de C/N para uma ITED. S√£o excep√ß√£o as instala√ß√Ķes onde se pretendam tratar canais terrestres adjacentes. Neste caso a solu√ß√£o passa por recorrer sem d√ļvida a uma instala√ß√£o com Processadores T05.
- A frequência de resposta do amplificador monocanal é ajustada em fábrica, cabendo ao instalador ITED saber antecipadamente quais as frequências do emissor terrestre que serve a zona onde se situa a ITED.
- O ajuste do n√≠vel de sa√≠da √© efectuado em obra pelo t√©cnico recorrendo a um potenci√≥metro que se encontra no painel frontal do equipamento, at√© um valor m√°ximo de 120 dB¬ĶV.
Televes
Televes Televes