Televes Televes
Televes
Language: en | fr | de | it | pl | pt | ru | es | en-us
Televes
Televes
Televes
Televes

2007-006 pt

ATI + ZAP + 7605

Descrição: 

Numa infraestrutura coaxial a escolha da tomada deve ser feita tendo em conta alguns parâmetros de funcionamento anctuais e futuros de toda a instalação. Os principais agentes implicados numa instalação ITED - Projectista, Instalador e Certificador - devem conhecer correctamente quais os parâmetros a ter em conta no momento de indicação/escolha da tomada.

O parâmetro de atenuação da tomada - Perda de Derivação - não é o único que deve ser levado em conta, isto porque a constituição da tomada e o seu desempenho na rede são também parâmetros de importância relevante.


Ao contrário de outras tomadas encontradas no mercado, as tomadas Televés são constituídas por um circuito eléctrico de micro componentes, (fig. 1), que garantem uma total imunidade aos ruídos externos provocados por equipamentos electrónicos envolventes, óptima filtragem, separação de bandas e elevado isolamento entre saídas.

Para uma instalação ITED aconselham-se as tomadas Televés 5232 (FM-TV) e 5226 (FM/TV-SAT). Ver IT Nº 15 - Agosto de 2006.

Quais os parâmetros de diferenciação da escolha?

A tomada 5226 dota a instalação de uma largura de banda - 5...2400 MHz - optimizada ao NQ2b. Mesmo que a instalação seja projectada como NQ2a, será de todo aconselhável a aplicação de componentes (Cabo, Amplificadores, Repartidores, Derivadores, Tomadas) preparados para receber sinais NQ2b, evitando assim a substituição de qualquer equipamento caso sejam introduzidos, futuramente sinais NQ2b na rede.

Outra grande vantagem da tomada 5226 está no facto de possibilitar uma certificação mais rápida de uma ITED. Esta tomada apresenta duas saídas, totalmente separadas entre elas, uma respondendo dos 5 aos 862 MHz e outra dos 950-2400 MHz.
Como a primeira frequência piloto se situa nos 85MHz e segunda nos 750 MHz, a tomada 5226 facilita e reduz o ensaio NQ2a a um só conector da tomada. Ver fig. 2. Este ensaio processa-se de forma automática e monitorizada com qualquer medidor de campo Televés da gama FSM modelos 400, 450, 500 ou 650.
Com a utilização da tomada 5232, dado ser uma tomada separadora de FM-TV, o certificador terá a necessidade de efectuar duas ligações à tomada, para o mesmo ensaio NQ2a, uma vez que os 85MHz e os 750MHz se apresentam em conectores de diferentes. No conector de FM o sinal de 85 MHz e no conector de TV os 750 MHz. Ver fig 3.
Sem dúvida que a tomada 5226 leva vantagem em relação à 5232 já que permite certificação NQ2b, para sinais de FM, TV e Sat, assim como torna muito mais rápido e automático o acto da certificação.

 

En resumo:
Muita atenção na identificação dos pontos de ligação de uma tomada relacionando correctamente esses pontos com as frequências ITED a medir.

Uma tomada não se diferencia de outras apenas pelas Perdas de Derivação. O Isolamento entre Saídas é um parâmetro também a ter em conta.
 

 

Conselhos durante a calibração:

1. Identificar fabricante da tomada e respectivas características de resposta ao NQ2b, contrastando esses valores com os encontrados nas medições práticas.
2. Verificar se o cabo coaxial de entrada na tomada não se encontra vincado.
3. Confirmar diâmetro dos tubos de chegar ao ponto da tomada.

Televes
Televes Televes